Corecon-SP explica mudança no formato de atendimento das Delegacias Regionais


O programa Palavra do Presidente de hoje é muito importante porque envolve, especialmente, os Economistas que residem e atuam no interior e no litoral do estado de São Paulo.


O presidente Pedro Afonso Gomes anuncia a mudança no formato de atendimento das Delegacias do Corecon-SP. Mas, primeiramente, ele explica o que é uma Delegacia Regional e porquê existem.


A partir daí, ele conta que essas unidades físicas de atendimento dos Economistas nas cidades fora da capital deixarão de existir, passando esse atendimento a ser feito de forma virtual, com apoio da sede administrativa do Corecon-SP.



"Essa decisão está totalmente embasada em apurações internas, visando, principalmente, readequar os gastos do nosso Conselho. Com essa mudança estrutural, a economia de recursos será de mais de 660 mil reais anuais, podendo chegar a R$ 1,28 milhão. Valor que poderá ser investido em diversos projetos e melhorias para a nossa classe de Economistas", explica.

Uma informação importante transmitida pelo Presidente é que os Delegados Regionais continuarão em seus cargos, representando o Corecon-SP em agendas, eventos e projetos que ocorrem fora da capital; no atendimento à imprensa; em encontros de relacionamento com autoridades; na aproximação com universidades; e/ou na participação em qualquer tipo de reunião ou evento do interesse da classe dos Economistas.


Para auxiliar os Economistas, o Corecon-SP contará com aproximadamente 250 Delegados Municipais e Distritais, com funções efetivas junto às comunidades que representarão, sejam geográficas (municípios), sejam estratégicas (universidades, associações, empresas, setores de governo com os quais tenham influência).


NOVOS INVESTIMENTOS


Sobre a nova destinação dos recursos, o Presidente cita: promover mais projetos de educação continuada; aprimorar o atendimento ao Economista via digitalização de diversos procedimentos; promover melhorias nas condições de trabalho das equipes do Corecon-SP, entre outras iniciativas.


Como mensagem final, o Pedro Afonso Gomes reforça o compromisso do Corecon-SP com todos os seus registrados, enfatizando que o órgão pertence aos Economistas e à sociedade brasileira e que essa mudança para atendimento remoto é uma ação pensada justamente na evolução de toda a categoria.


Assista ao programa na TV Economista!

55 visualizações0 comentário